Risco de inchaço nos pés é maior durante o Verão

inchaço nos pes
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on reddit
Share on telegram
Share on email

Diabéticos e pessoas com problemas renais podem estar mais propensas.

A estação mais quente do ano chegou, e nada melhor do que férias, viagens, carnaval e muita agitação.

Esses eventos fazem com que as pessoas fiquem muito tempo em pé, uma das causas mais comuns dos pés inchados.

Ficar com as pernas em uma mesma posição por longos períodos impede que o sangue circule corretamente pelo corpo, causando o inchaço. 
“Alguns dos sintomas mais notáveis são o cansaço, desconforto e alterações visíveis nas pernas e pés. As mulheres são o público mais afetado devido às alterações hormonais e o uso de sapatos apertados, de bico fino ou salto alto”, comenta Mateus Martinez, Diretor de Fisioterapia da Pés Sem Dor.
 Uma das causas dos pés inchados está ligada ao calor: durante as estações mais quentes do ano, o corpo precisa encontrar alguma forma de diminuir sua temperatura. Para isso, os vasos sanguíneos dilatam e liberam líquidos nos tecidos, resultando no inchaço.

Pessoas com problemas renais, diabetes e linfedema podem estar mais propensas. 

“É importante se hidratar, fazer uma alimentação leve e saudável, usar roupas e calçados confortáveis, e não exceder os limites do seu corpo. Se estiver de pé por muito tempo, faça pausas para descansar. E se você tem problemas com inchaço, use meias compressivas para evitar o extravasamento de líquido”, alerta Martinez aos foliões que estão se preparando para o carnaval de 2019. 

Além das meias compressivas, uma outra opção é o uso de palmilhas ortopédicas. Esse tipo de órtese oferece proteção e ajustes individualizados para os pés de cada pessoa, já quesão feitos sob medida.

Para saber mais sobre sinais e sintomas do inchaço dos membros inferiores e dicas de tratamento do edema, confira https://www.pessemdor.com.br/dores/diagnostico-de-dores/pes-inchados/
Você também pode gostar Diabetes: educação e informação são fundamentais para conviver com a doença e evitar complicações

Os pontos de vista expressos neste artigo são de responsabilidade do(a) autor(a).

Comentários...